Silêncio, muitas vezes, é ódio e, poucas vezes, é cuidado.