RACISMO HOMOFOBIA RELIGIÃO POBREZA

Quanta merda junta foi o que pensou lendo apenas o título. Indaga-se: porque hesitam tanto em  falar sobre estas questões de forma clara e simples? Uns colocam a culpa em deus, outros na ciência, na genética, nas periferias, na pobreza, na política, etc, etc, etc. Não param de surgir emaranhados de notícias eufóricas, cada qual querendo dar uma resposta brilhante para um evento tão! humano. Problemas, tabus, preconceitos e afins são assunto que precisam ser discutidos de forma aberta.

Pois bem, o fato é que ainda somos bastante infantis enquanto pátria. Cultivamos, ao nível do inconsciente, a partir de piadas, brincadeiras, por exemplo, certas questões que precisam ser conversadas. Não falo de levar tal questões ao planalto, fazer "leis e normas", embora necessário. Estas questões precisam ser diluídas, principalmente, nas escolas - totalmente clichê e, mais ainda, verdade. O que emancipa uma nação é a naturalidade que a sociedade se comporta diante daquilo que pensa, da forma como coloca em prática e defende seus ideais.