História d'amour formatada e enumerada

1. Uma gota de chuva cai no rio planamente quieto.
1.1. Explosão de felicidade que transforma tudo.
1.2. Alegria, quase inesgotável, passa para os meios a minha volta, familiares, amigos, etc.
1.3. O impacto amoroso vai ficando menos denso, e sua propagação mais fraca, mas, o fato de ter atingido o maior raio a sua volta, torna a queda da pequena bolinha aquosa significante.
1.4. Não vejo mais a gota. Esta, foi-se diluida no rio.
1.5. Rio planamente triste.
(Intérfase amorosa: quero uma chuva torrencial,
pesada e densa que atinja com toda força minha superficie,
pois tenho sede)
2.
2.1. Rio planamente recuperado.
2.2. Outra gota de chuva cai no rio planamente quieto.
2.3. Idem, idem, idem.