Caetano explica:

Para os americanos branco é branco, preto é preto
(E a mulata não é a tal)
Bicha é bicha, macho é macho,
Mulher é mulher e dinheiro é dinheiro.
E assim
ganham-se,
barganham-se,
perdem-se
concedem-se,
conquistam-se direitos

Enquanto aqui embaixo a Indefinição é o regime!
E dançamos com uma graça
(cujo segredo nem eu mesmo sei)
Entre a delícia e a desgraça
Entre o monstruoso e o sublime.